SITE DO BLOG SOBRIEDADE

ÔÔ PSIT! DIGA NÃO QUANDO FOR PRECISO! NÃO DÓI NÃO!

ÔÔ PSIT! DIGA NÃO QUANDO FOR PRECISO! NÃO DÓI NÃO!

ALIÁS, ALGUMAS VEZES É EXTREMAMENTE NECESSÁRIO!

 

BOA NOITE GALERINHA DO BEM! 16 DE OUTUBRO DE 2.017!

Diga não ao desperdício de alimentos!

Resultado de imagemResultado de imagem

O Dia Mundial da Alimentação é celebrado em mais de 150 países. Nos Estados Unidos, por exemplo, 450 organizações patrocinam a campanha que leva esse nome e em quase todas as comunidades existem grupos locais que participam ativamente. Para entender a dimensão e a importância da realização de campanhas nesse sentido, saiba que em todo o mundo, cerca de 800 milhões de pessoas vivem em situação de risco alimentar, sem saber se terão o que comer na próxima refeição. fonte www.mundodastribos.com

DIA DO PÃO!

Resultado de imagemResultado de imagem para GIF ANIMADO PADEIRO

"A esperança é o sonho do homem acordado"  Aristóteles.

 

Precisamos de Educação Ambiental! você sabe o que é isso?

 

Educação ambiental é uma novidade da educação, já praticada em alguns países, foi proposta em 1999 no Brasil, tem o objetivo de disseminar o conhecimento sobre o ambiente. Sua principal função é conscientizar à preservação do meio ambiente e a utilização de forma sustentável dos recursos naturais. Pode ser incluída como uma disciplina.

 

É uma metodologia de análise que surge a partir do crescente interesse do ser humano em assuntos como o ambiente devido às grandes catástrofes naturais que têm assolado o mundo nas últimas décadas .

 

No Brasil, a Educação Ambiental assume uma perspectiva mais abrangente, não restringindo seu olhar à proteção e uso sustentável de recursos naturais, mas incorporando fortemente a proposta de construção de sociedades sustentáveis. Mais do que um segmento da Educação, a Educação em sua complexidade e completude.

FONTE pt.wikipedia.org

 

"Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;

Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.
Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim".
Mateus 25:42-45

Então! me corrijam se eu estiver errado!

Estamos vivendo tempos de extrema permissividade!

Tudo é permitido, nada é proibido!

O desrespeito, a desordem, a violência em minha modesta opinião derivam daí.

Tempos modernos? hummmm! sei não.

GALERA! SABE PORQUE O ADICTO NÃO ACEITA UM NÃO? POR QUE NÃO SABE DIZER NÃO! Penso que não seja sómente com os adictos não........

Viram? numa pequena frase eu disse dois NÃO! ou seriam dois NÃOS?

Faça o que tú queres pois é tudo da lei? como diria meu filho: MAIS OU MENOS!

TODOS NOSSOS ATOS GERAM CONSEQUÊNCIAS! SE AS ATITUDES SÃO POSITIVAS, AS CONSEQUÊNCIAS TAMBÉM ASSIM SERÃO, E O VICE-VERSA TAMBÉM É VERDADEIRO.

 

Vira e mexe, busco esse texto por achá-lo extremamente válido e conclusivo sobre os "acontecimentos" de nossos dias.

Posto, reposto e a coisa parece que se auto-atualiza>............................

A autora é Monica Monastério de Madrid-Espanha! assim o recebi:


Somos as primeiras gerações de pais decididos a não repetir com os filhos os erros de nosso progenitores. E com o esforço de abolir os abusos do passado, somos os pais mais dedicados e compreensivos mas, por outro lado, os mais bobos e inseguros que já houve na história.
O grave é que estamos lidando com crianças mais "espertas", ousadas, agressivas e poderosas do que nunca.
Parece que, em nossa tentativa de sermos os pais que queríamos ter, passamos de um extremo ao outro.
Assim, somos a última geração de filhos que obedeceram a seus pais e a primeira geração de pais que obedecem a seus filhos...
Os últimos que tivemos medo dos pais e os primeiros que tememos os filhos. Os últimos que cresceram sob o mando dos pais e os primeiros que vivem sob o jugo dos filhos.

E o que é pior, os últimos que respeitamos nossos pais e os primeiros que aceitamos (às vezes sem escolha...) que nossos filhos nos faltem com o respeito.
Na medida em que o permissível substitui o autoritarismo, os termos das relações familiares mudaram de forma radical, para o bem e para o mal. Com efeito, antes se consideravam bons pais aqueles cujos filhos se comportavam bem, obedeciam a suas ordens e os tratavam com o devido respeito.

E bons filhos, as crianças que eram formais e veneravam seus pais.........

Mas, à medida que as fronteiras hierárquicas entre nós e nossos filhos foram se desvanecendo, hoje, os bons pais são aqueles que conseguem que seus filhos os amem, ainda que pouco os respeitem.

E são os filhos quem, agora, esperam respeito de seus pais, pretendendo de tal maneira que respeitem suas idéias, seus gostos, suas preferências e sua forma de agir e viver. E, além disso, os patrocinem no que necessitarem para tal fim.
Quer dizer; os papéis se inverteram, e agora são os pais quem tem que agradar a seus filhos para ganhá-los e não o inverso, como no passado. Isto explica o esforço que fazem hoje tantos pais e mães para serem os melhores amigos e "dar tudo" a seus filhos.

Dizem que os extremos se atraem.
Se o autoritarismo do passado encheu os filhos de medo de seus pais, a debilidade do presente os preenche de medo e menosprezo ao nos ver tão débeis e perdidos como eles.
Os filhos precisam perceber que, durante a infância, estamos à frente de suas vidas, como líderes capazes de sujeitá-los quando não os podemos conter, e de guiá-los enquanto não sabem para onde vão.

Se o autoritarismo suplanta, o permissível sufoca.
Apenas uma atitude firme, respeitosa, lhes permitirá confiar em nossa idoneidade para governar suas vidas enquanto forem menores, porque vamos à frente liderando-os e não atrás, carregando-os, e rendidos à sua vontade.
É assim que evitaremos que as novas gerações se afoguem no descontrole e tédio no qual está afundando uma sociedade que parece ir à deriva, sem parâmetros nem destino.
Os limites abrigam o indivíduo. Com amor ilimitado e profundo respeito.
MONICA MONASTÉRIO - Madrid - Espanha
O texto fala por sí só. 

Só gostaria de reforçar algo que sempre digo: ao nos rendermos às birras de uma criança que por exemplo quebra um brinquedinho e imediatamente "exige" a reposição do mesmo, estamos reforçando dentro deles, que ele ou ela tudo podem, estamos incutindo em sua mentezinha a busca da satisfação imediata que mais tarde de repente, se traduzirá no uso de drogas (algo externo prá tentar satisfazer aquilo que está errado internamente) e: o que são as drogas senão a busca incessante do "homem" pelo prazer? mas prazer rápido tipo miojo.

Taí o crack que não me deixa mentir: BATEU PEGOU!

 

Ah! dá uma clicadinha nos banners de nossos parceiros/patrocinadores; visitem os sites! vocês vão gostar também.

MELHOR ATENDIMENTO EM COMBUSTÍVEIS DE JACAREZINHO PR.
FAÇA UMA VISITA E SURPREENDA-SE.

 

A FARMÁCIA DO GENÉRICO EM JACAREZINHO PR.

E OLHA SÓ QUE LEGAL! VOCÊ NÃO PRECISA SE DESLOCAR ATÉ O CENTRO DA CIDADE PRÁ ENCONTRAR MEDICAMENTOS COM AQUELE PRECINHO ESPECIAL.