SITE DO BLOG SOBRIEDADE

SUPERAÇÃO! ESSA É A PALAVRA! ou...................

SUPERAÇÃO! ESSA É A PALAVRA! ou...................

 

COMO É GRANDE A NOSSA IGNORÂNCIA E COMO A NOSSA VIDA É MESQUINHA!

BUENAS NOCHES GALERITA DEL BIÉN! 28 DE JANEIRO DE 2.017!

Resultado de imagemResultado de imagem para 28 de janeiro dia nacional de combate ao trabalho escravo

Hoje, dia 28 de janeiro, o Brasil celebra o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. A data é uma homenagem ao assassinato dos auditores fiscais do trabalho Erastóstenes de Almeida Gonçalves, João Batista Soares Lage e Nelson José da Silva, e o motorista Ailton Pereira de Oliveira, no ano de 2004, quando apuravam denúncia de trabalho escravo na zona rural de Unaí (MG). fonte www.brasildefato.com.br

 

grazie a clubedoskate.com pela animação.

Ano que passou, tive a grata surpresa de assistir novamente à reportagem apresentada no Caldeirão do Huck, falando dessa galerinha que relato abaixo. 

Já se vão quase cinco anos da apresentação do programa, não sei como ficaram as coisas, não sei o que aconteceu àquelas pessoas, mas minha admiração permanece, por eles, pelos atletas paraolímpicos, por aquelas pessoas determinadas, iluminadas e...... que não deixam a peteca cair sob pretexto algum e nenhum.
Me chamou muito a atenção à época, pois eu queria escrever sobre "Pessoas especiais"; sim, pessoas especiais, aquelas que são denominadas "portadoras de necessidades especiais" .

Fazendo uma comparação com a "Doença da Adicção" aquela da qual eu sou um feliz portador, tenho de lutar diáriamente e, me empenhar para ser uma pessoa melhor a cada dia, senão o bicho começa a pegar e, vivo achando que "faço muito sacrifício, que isso, que aquilo".

Meu! dá prá se sentir pequeno, pequeníssimo perante a grandiosidade de pessoas que passam por cima das dificuldades como um rolo compressor, superando barreiras, detonando obstáculos, sempre buscando aproveitar ao máximo esse dom gratuito de Deus chamado vida. 

E nós, ou melhor (EU-ADICTO), vivo querendo mergulhar muitas vezes em crises de auto-piedade, ou ao contrário achando que somos (SOU) o detentor de todas as dores e problemas do mundo (egocentrismo).

O meu problema é sempre maior e mais digno de atenção, mais importante que o dos outros, eu (talvez nós) deveríamos olhar mais para trás, nos preocuparmos mais em parar de se lamentar e seguirmos os exemplos dessas "Grandiosas pessoas ditas portadoras de necessidades especiais". Estou dizendo tudo isso, porque assistindo ao Caldeirão do Huck em 25 de fevereiro do ano de 2.012 e como já salientei, a reprise recentemente, pude ver e emocionar-me com a história do Italo Romano.

O carinha à época, se não me falha a memória estava com 22 anos de idade e, poderia muito bem estar entrevado numa cama, ou usando drogas, mergulhado numa crise de auto-piedade pelo fato ocorrido aos 11 anos de idade (foi brincar com amiguinhos nos vagões de trem e sofreu um acidente no qual teve de amputar as duas pernas).

Mas quem pensa que isso paralisou nosso herói, vou assim chamá-lo se engana!

O Cara saiu do hospital, andou um mês de cadeira de rodas, ganhou um skate, aprendeu a andar (todos os movimentos que os skatistas fazem com os pés, ele faz com as mãos) e não parou mais, sendo inclusive campeão paranaense de Skate Amador, competindo de igual para igual com a rapaziada que não possui nenhum tipo de problema.

Culminou indo para a Califórnia no rancho do Bob Burnquist e descendo a mega-rampa que Bob possui em sua morada, feito devidamente registrado pelo Luciano Huck que em minha opinião também é um cara (usando uma palavra que não sai de sua boca) MEGA do bem.

E o cara desceu uma, caiu na rede, desceu duas, quase deu certo, e na terceira lá estava ele descendo a mega-rampa numa velocidade incrível em cima de seu skate que não tem nenhuma espécie de adaptação não! Exemplíssimo pelo menos para mim de superação, de garra e de perseverança e, quando eu pensar em desistir de alguma coisa em "questa vitta maledeta" como dizia a minha noninha, vou me lembrar com certeza do Italo de Lima, o Italo Romano como é conhecido, o carinha lá do CIC de Curitiba que virou meu herói.

Ah, paralelamente a essa história, existe uma histórinha também de hiper-superação de um amigo do Italo, o Ricardo Borba que é cineasta e, que vivia e vive filmando o Italo para que o mesmo possa competir, e conseguir patrocínios (alma boa, Ricardo e sua esposa).

Eles, (o casal) são pais da Iris que não anda por ser portadora de atrofia muscular espinhal e, que se inspira no exemplo do Italo; a Iris é uma gracinha (linda demais) e, que com seus 6 ou 7 anos de idade (hoje deve estar com 11 ou 12), também é uma heroína, guerreira, valente, digna de toda minha admiração.

Dois exemplos de pessoas com "necessidades especiais" mas que não tomam nem conhecimento dos entraves, dos obstáculos; vão superando um a um, passando por cima feito um rolo compressor, vivendo literalmente "um dia de cada vez" e sendo felizes, e é por isso que comecei com um trecho da música do Gabriel O Pensador que vou reproduzir abaixo: Como é grande a nossa ignorância!....... e como a nossa vida é mesquinha!

Não posso esquecer de dizer que são igualmente heróis, a mãe do Italo, e os pais da Iris, o Ricardo e esposa que não me recordo o nome.

Eles, realmente dizem aos problemas que eles têm um grande Deus e não como eu fazia e se bobear ainda faço: viver dizendo a Deus que tenho um problema. Me estendi demais né? Aproveitem, curtam o Gabriel e agradeçam, e não se lamentem! Lutem, perseverem!

O Italo, a Iris, e um exército enorme de batalhadores nas Apaes, nas AACDS travam uma batalha diária e vencem, e vencem, e vencem.

E eu queria ficar parado aqui na praça dando milho aos pombos! 

 he he he he he

Se liga Carlão! tô me ligando! tô me ligando!

OLHA SÓ QUE LEGAL! VOCÊ NÃO PRECISA SE DESLOCAR ATÉ O CENTRO DA CIDADE PRÁ ENCONTRAR MEDICAMENTOS COM AQUELE PRECINHO ESPECIAL.

EM JACAREZINHO GLOBO AM.1550

BOTA AMIZADE NISSO!!!!!  www.radioglobo1550.com.br